domingo, 25 de abril de 2010

ORIGAMI 4 - DIA DAS MÃES - MÃE CORUJA




Há vários símbolos para as mães. O que elas mais gostam é ser MÃE CORUJA. Normalmente é porque os filhos apresentam algum mérito, alguma coisa boa que faz, algum sucesso ou garra na vida. Mas tem mãe coruja gratuita, o filho não faz nada, mas ela fala como se... fosse verdade.
Desprezando estas maledicências e valorizando os reais valores de filhos para alguem receber o título de MÃE CORUJA 2010.

Colocremos dois modelos de coruja. A Mãe Coruja pode ser feita em tamanho filhote ou o filhote coruja pode ser feito em tamanho mãe.
A Mãe coruja é mais fácil e necessita de dois quadrados de papel do mesmo tamanho.




A cabeça da coruja - a numeração vem dentro de um círculo branco. O corpo da coruja vem num círculo de fundo escuro com a numeração em branco.
PASSO 1- Considerando em primeiro lugar a cabeça, parta da blintz base mostrada acima, levando todos os cantos para o ponto central.
PASSO 2 - Vire o trabalho, traga as duas laterais para a linha central e solte as abas que se formam em baixo.
PASSO 3 - Veja como fica o trabalho.
PASSO 4 - Vire novamente o trabalho e dobre vai-e-volta a linha indicada.
PASSO 5 - Dobre as duas pontas escuras do trabalho.
PASSO 6 - Faça estas duas pequenas dobras (serão os olhos).
PASSO 7 - Dobre a ponta superior na linha indicada.
PASSO 8 - Dobre a ponta inferior no lugar indicado.
PASSO 9 - Dobre trazendo a extremidade lateral até a base do triângulo.
PASSO 10 - Dobre o centro e já traga a lateral direita para a base.
PASSO 11 - Esta linguetinha será o bico e então abra formando como a figura. Para estes pequenos detalhes você pode utilizar um palito para ajudar na abertura. Mas é bem fácil.
Fazendo o corpo:
PASSO 1 - Marque uma linha diagonal (kite base) e traga duas laterais para esta linha central. Preste atenção para qual cor será a barriga e as laterais. Introduza a parte inferior dentro das duas abas.
PASSO 2 - Abra as duas abas, como o indicado na figura. É uma margem bem pequena.
PASSO 3 - Vire o trabalho todo e faça as dobras indicadas.
PASSO 5 - Dobre para trás as duas pontas inferiores.
Cole a cabeça no corpo.
No nosso modelo roxo demos uma ligeira inclinada na cabeça e colocamos olhos com cílios pra dar uma expressão menos dura à mãe coruja. se bem que para ser coruja, deve-se ter um pouco de dureza (mínimo, mínimo para manter a orientação da corujinha!). Não consegui inserir um sorriso nela, mas MÃE CORUJA disfarça, ri muito por dentro quando é coruja por mérito.

Esta corujinha é fácil, mas estamos subentendedo que quem vai fazê-la saberá montar um tsuru. Seus primeiros passos correspondem ao início do tsuru (tradidional pássaro japones).
Depois disso
PASSO 1 - Dobre as duas pontas inferiores (abertas no centro) para os lados de fora e introduza-as no centro. Formará o passo seguinte.
PASSO 2 - Descer a parte superior dianteira.
PASSO 3 - Levantar a ponta inferior até a linha onde mostra a figura.
PASSO 4 - Dobrar as asas para introduzi-las no centro - delas mesmas. Repare que não é bem rente ao corpo para que fique como asas um pouco afastadas do corpo (se não parecerá um urubu com as mãos no bolso como dizia o Paulinho).
PASSO 5 - Vire o trabalho e suba a ponta inferior até a confluências das dobras como mostra a figura.
PASSO 6 - Antes de efetivar a dobra anterior corte o tanto para formar as patas. Dobre agora as duas pontas para fora.
PASSO 7 - confira se as patas estão nesta disposição mostrada na figura.
PASSO 8 - Vire novamente o trabalho e dobre de cima para baixo o alto do trabalho - 0,5 cm.
PASSO 9 - Dobre as duas pontas laterais em diagonal para formar as sobrancelhas da coruja.
Em nosso caso colamos olhos e conseguimos desenhar um pequeno sorriso sobre o bico.

 Não esqueça de clicar nas figuras para ampliá-las.

2 comentários:

  1. muito legal as corujas.

    ResponderExcluir
  2. Olá, amei o seu blog. Será que eu poderia usar alguns do seus posts no meu blog? http://tinkerbellfestas.blogspot.com/

    Bjus

    ResponderExcluir